17
Nov
07

Primeiro Post! ;)

O meu lanche.

Este é o meu primeiro post na minha primeira experiência “a sério” de blog. O seu nome talvez anuncie à partida intenções grandiosas, o que não anda demasiado longe de uma verdade secreta e interior, mas devo dizer já que não tenho experiência nenhuma nisto, por isso a qualidade e a frequência da escrita poderão vir a não ser as melhores. Também gostava de “dar um jeito à casa” antes de abrir a porta – aprender uma coisita ou duas de CSS e dedicar-me a sério a criar um “ambiente” personalizado para o blog – mas a minha disponibilidade, tanto mental como temporal, não é das melhores neste momento. Oh well…

Dito isto, acho que posso começar por fazer o meu “mini-manifesto”: no meu dia-a-dia eu sou um gajo muito “caixa-alta-setenta-e-dois-pontos”, na medida em que acho que o que está cá dentro é para ser aproveitado, assim como o que está por aí fora é para ser esmiuçado, sendo que o resultado desse processo digestivo é para ser exposto sem grandes rodeios nem contemplações.

É verdade que, para além de [re]produzir ruído branco e banalidades inevitáveis, às vezes posso tornar-me um pouco obtuso ou desagradável, ou dizer certas coisas que, no seu conteúdo, sejam mais… rudes, ásperas, desafiadoras ao status quo ou pura e simplesmente parvas. Mas, tal como num título, numa palavra de ordem, numa lápide, há lugar para o estilo – quanto mais não seja tipográfico – que suaviza, intensifica, retira ou acrescenta (temperar a gosto) algo à mensagem, também num blog, ou numa qualquer farpa que lançamos no café, uma simples vírgula ou um ruído gutural bem aplicados podem fazer toda a diferença…

A referência tipográfica não surge, obviamente, por acaso, mas este não vai ser um blog sobre Design. O tema terá forçosamente (espero eu) que surgir com frequência, mas há por aí todo um vasto mundo de pérolas e porcos a explorar por essa web fora, essa verdadeira mina de ouro e caca (basta passar 5 minutos no YouTube para perceber isso 😛 ), e cabe aqui a este humilde mineiro/alquimista fazer o tal exercício de estilo (ou falta dele) vs. conteúdo. Claro que também será boa ideia colocar aqui alguns objectos e ideias originais e/ou anteriormente offline que eu vá conseguindo arrebanhar, para ir mantendo o sistema em crescimento e renovação constantes.

Para terminar, resta-me desejar uma boa navegação aos que por cá passarem, esperar que apreciem a vossa estadia entre cliques e, se os temas vos interessarem, que se sintam à vontade para fazer comentários; mas se não gostarem da vossa estadia podem comentar na mesma! Não vem daí mal nenhum ao mundo, é da maneira que ele não se vira do avesso (citando uma amiga minha 🙂 ), coisa que não me apetecia nada que acontecesse pois retiraria toda a mística à exploração das tripas daquele. 😉

Johnny

Anúncios

6 Responses to “Primeiro Post! ;)”


  1. Novembro 17, 2007 às 9:38 pm

    Poiz’É… Johnny, Johnny… Parece-me que avisto, finalmente, essa tua sede de construção de um blogue expirar! E, claro, esse nome… Era inevitável, ou estarei enganada?! =)
    Decerto cá estarei para apadrinhar este teu pequeno e/ou grande investimento!
    E se depender de mim, podes ter a certeza que o mundo não se vai virar do avesso… =p

  2. Novembro 17, 2007 às 9:39 pm

    Poiz’É… Johnny, Johnny… Parece-me que avisto, finalmente, essa tua sede de construção de um blogue expirar! E, claro, esse nome… aaahhhhh =)
    Decerto cá estarei para apadrinhar este teu pequeno e/ou grande investimento! E se depender de mim, o mundo não se vai virar do avesso… =p

  3. 3 Rosinha
    Novembro 30, 2007 às 9:52 pm

    Fogo!! Não fui a primeira, Sarita safada… (lol)

    Finalmente Johnny!!
    Sabes, a WEB foi feita à tua medida (ou será ao contrário?!).
    Vamos agora ver como te sais nesta arena da comunicação. Estarei atenta, boa sorte.
    Até ao próximo post ou, até ao dia em que te calhar o outro lado da moeda ..

  4. Janeiro 22, 2008 às 3:18 am

    Pasmo-me com a sumptuosidade linguística com q’exploras o mundo (ou o tentas esventrar, como me pareceu!). Continua a esfarelar temáticas dessas pelas quais muito boa gente não dá o cotovelo direito, mas que se t’impõem como s’o amanhã fosse uma utopia. Continua a debicar assuntos (reais, imaginários ou assim-assim – daqueles que só surgem na mente de poderosos que afirmam que Descartes é uma sobremesa!) com a genialidade dum poço sem fundo! Cudoos to you… you keep the world spinning round! \o/

  5. 5 z
    Maio 4, 2008 às 4:31 pm

    Manifesto ambicioso sim senhor! Anoto com agrado a entrada na blogosfera (pena eu estar mais com um pé fora dela do que dentro…) e vou pelo menos tentar ficar atento a ver se as intenções se cumprem… mas não te preocupes, acho que nesta existência mais ou menos virtual e semi-anónima ninguém cobra (ou devia cobrar) nada a ninguém!
    Só mais duas coisinhas: já mudavas a fonte (ou o tamanho) dos comentários (ou será que sou eu que tenho de fazer isso… nesse caso preciso de mais um manual de instruções!)… isto assim é quase ilegível pá!
    Tenho de te escrever um mail pessoal a agradecer-te pelo incalculável valor do primeiro manual que me escreveste! Isso e tentar cumprir mais assiduamente as minhas obrigações de irmão mais velho que, muito sinceramente, não faço ideia quais sejam!
    Till then
    ta-da…

  6. Junho 11, 2008 às 8:09 am

    Almejo demonstrar a admiração que senti pelo comentário deixado por Elegy. Decerto, um uso magnificente de nosso belo idioma.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: